Início Cariri Juazeiro do Norte-CE: Memorial Pe. Cícero divulga programação para Romaria das Candeias

Juazeiro do Norte-CE: Memorial Pe. Cícero divulga programação para Romaria das Candeias

11 Lido
0
2
383
https://www.instagram.com/msjoiasfolheada/

A Fundação Memorial Padre Cícero e Secretaria de Cultura, divulgam a programação para a romaria de Nossa Senhora das Candeias.

O Museu estará com a exposição aberta ao público de fotografias e objetos que pertenceram ou se referem ao Padre Cícero Romão Batista, no horário das 07h30 às 17h30. No dia 02 de fevereiro, dia da tradicional Procissão de Candeias, a visita acontece até o meio-dia.

Como parte da programação, está a exposição “Novos olhares para Monalisa e a cultura regional”, uma Coleção de Veridiana Brasileiro que tem a curadoria de Andréa Dall´Ólio, que estará em cartaz até o final da Romaria de Candeias no hall de entrada.

Nos dias 30, 31 de janeiro e 01 de fevereiro acontece a 3º edição da Mostra Luz das Artes, uma mostra de filmes e documentários com o objetivo de suscitar a reflexão sobre temas relacionados à história do Cariri e divulgar as produções audiovisuais nacionais, do Ceará e da própria região do Cariri. As sessões acontecerão no auditório da Fundação Memorial Padre Cícero e serão gratuitas e abertas a todos os interessados.

Também em sua terceira edição, a Mostra Cinema na Praça traz documentários produzidos em Juazeiro do Norte, enfocando diversos aspectos da cidade que vão além das evidentes manifestações religiosas em torno do Padre Cícero. As sessões acontecerão gratuitamente a partir das 19h, na Praça do Socorro, em frente ao Memorial Padre Cícero. A ação é uma iniciativa do LEPEU – IMAGO (Laboratório de Estudos e Pesquisas em Espaços Urbanos e Cultura), vinculado ao Departamento de Geociências da Universidade Regional do Cariri (URCA).

Confira a programação

Romaria das Candeias 2019

Programação da Secretaria da Cultura e Fundação Memorial Padre Cícero

 Últimas semanas da exposição “Novos olhares para Monalisa e a cultura regional”

Coleção Veridiana Brasileiro

Curadoria: Andréa Dall´Ólio

A coleção de Veridiana Brasileiro, composta por quase 300 releituras da Monalisa, obra icônica do pintor Leonardo Da Vinci, vem sendo formada há 10 anos. Cada artista foi provocado pela colecionadora a criar sua Monalisa. O resultado é uma belíssima coletânea de quadros e esculturas, em diversas técnicas e estilos.

Nos últimos anos, parte das obras vem compondo exposições temáticas, como a que está aberta à visitação na Fundação Memorial Padre Cícero, desde novembro de 2018. Aqui, a proposta foi reunir esse grande ícone do mundo ocidental com representações da cultura e tradições do Nordeste brasileiro. São 65 obras, entre elas de artistas locais como José Lourenço, Din, Expedito Celeiro e Panta.

 III Mostra Luz das Artes (30/1 a 1/2)

Dia 30/1 (manhã)

10h. Padre Cícero: os milagres de Juazeiro (1976). Diretor: Helder Martins

Dia 30/1 (tarde)

15h. O pau da bandeira. Diretores: Augusto Pessoa e Felipe Wenceslau

15h20. Candeias. Diretores: Augusto Pessoa e Felipe Wenceslau

15h45. Os quatro elementos. Diretor: Augusto Pessoa.

16h. Juazeiro capital da cultura. Produção: Secult Juazeiro do Norte

16h15. Candeias. Diretores: Reginaldo Farias; Ythallo Rodrigues 

Dia 31/1 (manhã)

10h. O pau da bandeira. Diretores: Augusto Pessoa e Felipe Wenceslau

10h20. Candeias. Diretores: Augusto Pessoa e Felipe Wenceslau

10h45. Os quatro elementos. Diretor: Augusto Pessoa.

11h. Juazeiro capital da cultura. Produção: Secult Juazeiro do Norte

11h15. Candeias. Diretores: Reginaldo Farias; Ythallo Rodrigues 

Dia 31/1 (tarde)

15h. Padre Cícero: os milagres de Juazeiro (1976). Diretor: Helder Martins

Dia 1/2 (manhã)

10h. Padre Cícero: os milagres de Juazeiro (1976). Diretor: Helder Martins

Dia 1/2 (tarde)

15h. O pau da bandeira. Diretores: Augusto Pessoa e Felipe Wenceslau

15h20. Candeias. Diretores: Augusto Pessoa e Felipe Wenceslau

15h45. Os quatro elementos. Diretor: Augusto Pessoa.

16h. Juazeiro capital da cultura. Produção: Secult Juazeiro do Norte

16h15. Candeias. Diretores: Reginaldo Farias; Ythallo Rodrigues 

III Mostra Cinema na Praça (31/1)

19h. Candeias. Diretores: Reginaldo Farias; Ythallo Rodrigues

19h20. Travesthriller. Diretor: Orlando Pereira

19h50. Candeias. Diretores: Augusto Pessoa e Felipe Wenceslau

SINOPSE DOS FILMES E DOCUMENTÁRIOS

Padre Cícero: os milagres de Juazeiro (1976). Diretor: Helder Martins. Filmado em vários lugares do Ceará, em especial no município de Milagres. Foi o primeiro longa metragem em cores sobre a vida do Padre Cícero Romão Batista  e teve um elenco composto por artistas de grande nome do cinema nacional da época, como Jofre Soares, Dirce Migliaccio, José Lewgoy, Rodolfo Arena, Manfredo Colasanti, Cristina Aché e os cearenses Ana Miranda, Nildo Parente, Ricardo Guilherme, Seny Furtado, Haroldo Serra, Walden Luiz, Marcus Miranda, além de 25 técnicos, 100 coadjuvantes e cerca de mil figurantes.

O pau da bandeira (2012). Diretores: Augusto Pessoa e Felipe Wenceslau. O filme registra a Festa do Pau da Bandeira, realizado anualmente na cidade de Barbalha, Cariri cearense.

Candeias (2016). Diretores: Augusto Pessoa e Felipe Wenceslau. Documentário realizado na romaria de 2 fevereiro de 2016, mostrando o caldeirão cultural em que se transforma a cidade de Juazeiro do Norte durante a festa religiosa, revelando uma visão fotográfica da festa popular através de um olhar poético.

Os quatro elementos (2018). Diretor: Augusto Pessoa. Quatro mestres da cultura popular de Juazeiro do Norte contando sobre a sua arte: Mestre Dodô, Mestre Nena, Mestre Mosquito e Mestra Margarida.

Juazeiro capital da cultura (2017-2018). Produção: Secult Juazeiro do Norte. Série de teasers sobre a diversidade cultural de Juazeiro do Norte, mostrando a arte da xilogravura, as festas religiosas, a tradição do cordel e o rico patrimônio cultural que faz da cidade uma referência no Nordeste brasileiro.

Candeias (2017). Diretores: Reginaldo Farias; Ythallo Rodrigues. Candeias é torrente de luz, um imenso rio iluminado de fé, a desaguar num mar de promessas realizadas e anseios pelo porvir. É estar em Juazeiro do Norte, terra santa inventada por Padre Cícero, e na qual no caminho, de idas e vindas, ninguém nunca se perdeu. 

Comentários de Facebook
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Junior Moral
Carregar mais em Cariri

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

VÍDEO MOSTRA OBJETOS SE MOVENDO SOZINHOS EM UTI DE HOSPITAL EM IGUATU

Um vídeo gravado no interior da uma Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Regi…